Estudante morre engasgado enquanto jantava em Manaus

Um estudante de 21 anos morreu engasgado no fim da noite deste sábado (15), dentro de casa, no bairro Presidente Vargas, em Manaus, enquanto jantava.

A família de Jhonatas Duarte de Souza contou que, horas antes de o caso ocorrer, ele chegou a passear com a filha, uma bebê de nove meses, em uma orla do bairro.

“Ele pediu minha bênção, e disse que ia dormir, mas antes perguntou da mãe dele se tinha algo para comer pois estava com fome. A namorada dele chegou em seguida. A janta foi linguiça com miojo. Não demorou muito, ouvimos gritos. Ele estava jogado no chão, se debruçando”, disse o pai da vítima, João da Silva, jardineiro de 56 anos.

O pai disse que bateram nas costas do jovem para tentar socorrê-lo, mas ele não reagiu. A família chegou a acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

De acordo com o pai, a região da garganta do filho ficou inchada e, horas antes do caso, o estudante reclamou de dor na garganta para a mãe.

João da Silva perdeu o filho mais velho. Ele tem outro filho de 18 anos. Todos moravam na mesma casa.

“Um rapaz jovem, novo, deixou a filha de nove meses … linda a minha neta. Ele vivia com ela, mas, tem que ser o dia [da morte]. A gente fez de tudo que estava ao nosso alcance”, comentou o pai. A vítima ajudava um tio com serviços de metalúrgica.

__ __ __

Foto: Arquivo Pessoal

Por Eliana Nascimento, G1 AM